Queguay, donde confluyen los ensueños

vista09d08210
Ceibo (corticeira do banhado), Rincón de Perez, Paysandu, Uruguay (foto de Zé Paiva/Vista Imagens)

O Uruguai faz alguns anos está estruturando um sistema nacional de áreas protegidas SNAP, sob a tutela da Dirección Nacional de Medio Ambiente. Até então era o único pais da América do Sul sem um sistema semelhante. Entre 25 de setembro e 3 de outubro de 2009 fui a Guichon, uma pequena cidade do departamento de Paysandu no Uruguai, fazer um ensaio fotográfico sobre a região. Montes del Queguay é como será chamada a área protegida que está em estudo para ser implementada.

vista09d08636
Señor Rodriguez, Montes del Queguay, Guichon, Paysandu, Uruguay (foto de Ze Paiva, Vista Imagens)

Fui contratado por uma ONG chamada CEUTA, Centro Uruguayo de Tecnologías Apropiadas, com sede em Montevidéu. Eles estão fazendo um estudo sobre a área para fundamentar um futuro plano de manejo da mesma, resultado este que será publicado na forma de um livro.

Montes del Queguay tem uma área de aproxidamente 41 mil hectares e fica na bacia do Rio Queguay, um afluente do Rio Uruguai. Queguay em guarani significa “onde confluem os sonhos”. O meu guia nas incursões foi Carlos Urruty, um nativo de Guichon. Ele é professor de uma escola técnica da cidade, mas desde jovem pesca e caça na região. Há alguns anos começou a colaborar com a CEUTA e simultaneamente a desenvolver roteiros ecoturísticos.  Além disso é um dos diretores do Club de Canoas Queguay (canoagem é uma das especialidades dos uruguaios).

vista09d09874
Cerro del Ingles, Rio Queguay, Guichon, Paysandu, Uruguay, foto de Ze Paiva, Vista Imagens.

Muitas pessoas, inclusive os próprios uruguaios, tem o costume de classificar a paisagem uruguaia com o clichê: uma planície suavemente ondulada. Na verdade isto é uma simplificação grosseira. Montes del Queguay, por exemplo, apresenta montes ribereños (florestas que acompanham o rio); banhados e “pajonales”, onde encontramos uma enorme quantidade de aves residentes e migratórias; serras basálticas e matas associadas; chircais (agrupamentos arbustivos); montes parque (uma floresta mais aberta) e pradarias. Além disso a região foi morada dos últimos índios charruas do Uruguai.

vista09d09851
Monte parque, Rio Queguay, Guichon, Paysandu, Uruguay, foto de Ze Paiva, Vista Imagens.

Fizemos diversos trajetos em camionete 4×4, percorremos alguns trechos do rio em canoa e me embrenhei em alguns banhados com meu macacão impermeável em busca de fotos de aves. Foram dias de muito trabalho, acordando as 6 da manhã para captar a luz do amanhecer, trabalhando até o pôr-do-sol, carregando os cartões e limpando equipamento a noite. Valeu a pena, o lugar tem uma beleza sutil só perceptível para quem está disposto a entranhar-se nesta paisagem.

vista09d08129
Pecho-amarillo, Humedal Rincon de Perez, Guichon, Paysandu, Uruguay, foto de Ze Paiva, Vista Imagens.

Num dos dias voei sobre a pampa deserta, verde mas deserta. Sem limites visíveis, grandes coxilhas invadidas por eucaliptos pediam socorro, pequenas matas cercadas por lavouras gritavam encurraladas. Porque destruímos a perfeição da natureza? Porque tanta ganância em toda parte do mundo? Porque tamanho descaso com os frutos de nossos atos? Rios com lixo pendurados pelos ramos, latas de veneno na beira da estrada, máquinas borrifando pesticidas que recendiam seu cheiro até as alturas de minha aeronave. A destruição de cima fica mais visível. A natureza está encurralada por todos os lados, em todos os paises. A beleza está moribunda. A perfeição desmorona.

vista09d09128
Plantação de eucaliptus, Paysandu, Uruguay, foto de Ze Paiva, Vista Imagens.
Anúncios

Um comentário em “Queguay, donde confluyen los ensueños

Adicione o seu

  1. Zé, muy bueno el Blog, está muy interesante, fué muy bueno compartir la expedición del Queguay con un esquisito cazador de imágenes de naturaleza, de la “madre tierra”. Meticuloso y sensible profesional que siempre está preparado para que una pizca de suerte lo acompañe, sumado a los sentidos que ha cultivado para que distintas especies, e instantes de tiempo de la hermosa naturaleza le den una chance de captura en milesimas de segundos,

    un abrazo,
    Carlos Urruty

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: