Karol e Torben – Outsiders

Esses retratos eu fiz pra revista Go Outside, uma versão brasileira da homônima estadunidense. Eles tem um prêmio chamado Outsiders para os melhores esportistas brasileiros. Nesta edição da revista a proposta era fazer uma brincadeira fotografando os atletas bem de cima numa situação que lembrasse o seu esporte mas que ao mesmo tempo fosse surreal.

Karol Meyer nasceu no Recife mas mora em Florianópolis. Ela detém o recorde mundial de apnéia com a marca impressionante de 18min32s59 e chegou aos 100 metros de profundidade no mergulho livre de lastro variável. A sessão de fotos com ela foi num estúdio emprestado num dia de calor absurdo. Ela pôs a sua roupa de neoprene azul e passou um calor do cão, pois só tínhamos um ventilador pequeno para amenizar a situação. Mesmo assim resistiu bravamente e fizemos o ensaio. O briefing do pessoal da revista pra Karol era ela meditando em lótus com uns aquários redondos como se fossem bolhas de ar dentro d’agua. Eu sugeri usarmos uma máquina de fazer bolhas de sabão dessas que usam em festas infantis, o que deu um resultado bacana. A pose na hora acabamos mudando para dar mais movimento na imagem.

Karol Meyer, recordista mundial de mergulho livre.

Torben Grael, o maior colecionador de medalhas olímpicas na vela, é de São Paulo. Ele estava num estaleiro em Itajaí reformando seu veleiro particular, onde fui fazer o seu ensaio. Pensava em usar uma vela colorida no fundo e acrescentar algum elemento naútico. Ele gostou da idéia e me mostrou uma vela amarelo-gema que achei ótima, e na sequência me mostrou seu timão. Usamos ainda um cabo e estava feito o cenário. Enquanto eu e minha assistente Francine arrumávamos o set no lado de fora do galpão, uma nuvem negra começou a se aproximar. Senti que não teríamos muito tempo e como o Torben estava com a mão na massa reformando o seu barco deixei para chama-lo quando estivesse tudo pronto. Esticando a vela sobre um lona que pusemos sobre o chão de paralelepípedos entrou um rajada de vento que inflou um pouco o tecido leve do balão (vela enorme usada para vento de popa). Pensei que isso poderia dar um movimento interessante na hora da foto. Chamei o Torben e quando começamos as fotos começou também a chuva. Tivemos exatos 3 minutos para fotografar, o que rendeu 19 fotos. Imaginem a adrenalina. Ainda bem que deu tudo certo e a foto foi aprovada.

Torben Grael, velejador medalhista olímpico.

Anúncios

Um comentário sobre “Karol e Torben – Outsiders

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s